Farto-me de ouvir as pessoas dizerem, acerca das tatuagens, que devem ser em número ímpar, caso contrário "dá azar".

Ora, eu tenho duas tatuagens há 1ano e 7 meses como mostrei aqui e por acaso no último ano tive alguns azares, mas duvido que tenha sido por causa das tatuagens xD

Anyway, há muito que queria fazer mais uma tatuagem e esta história do nº ímpar é uma bela duma desculpa para isso...

O dinheiro já o tinha e por isso, dada a autorização pelos paizinhos lá fui eu aumentar a minha coleção. E pelo sim, pelo não, não vá o Diabo tecê-las, fomos em nº ímpar, 3, para o azar não pegar. Eu, o Mr.D, que finalmente superou o medo à dor e às agulhas, e o seu melhor amigo que foi contagiado por nós xD

Somos pessoas discretas e por isso fomos daqueles que fazem tattoos pequenas e simples... Eles, como profissionais na arte de fotografar, não poderiam ter escolhido outra coisa para tatuar a não ser uma camâra fotográfica, ambos no pulso...

Eu, bem, como pessoa pacífica que sou, optei pela paz e amor, acrecentando-lhe  um grande prazer e vício que é a música e fiz uma tatuagem com que me identifico em pleno :p

Desta vez optei por um Tatuafor diferente e adorei... para quem vive no Porto ou arredores  Freestyle Ink - Tattoo & Piercing na Rua Santa Catarina... O tatuador, o Nuno, um puto da minha idade, para além de super talentoso é um Ganda maluco e enquanto estiverem a fazer a vossa tattoo até vão esquecer a dor de tanto rir com as parvoíces dele!

 

Bem, o resultado foi este...

Estou muiiito satisfeita 

{#emotions_dlg.inlove}

 

 

publicado por Princesa às 15:55